Realejo---Orlandito

“Realejo”

Realejo

Vamos recordar os tocadores de realejo ou “Orgue de Barbárie”, atracção nos anos vinte nas ruas de Lisboa e de Paris.

Ao “dar à manivela”, o seu mecanismo de origem artesanal reproduz o timbre de vários instrumentos e percussão. Através do sistema de cartões perfurados são tocados 300 temas inesquecíveis como: Lily Marlene, Sous de Ciel de Paris, Alouette, bem como temas portugueses como Uma Casa Portuguesa, Oh Minha Terra e Esta Vida de Marinheiro.

Estes instrumentos centenários, também representados nos presépios do mestre Machado de Castro como instrumentos do povo, estão disponíveis com dimensões diversas (desde modelos mais pequenos a maiores), sempre construídos e decorados pelos melhores mestres artesãos.

© MÃOZORRA ASSOCIAÇÃO CULTURAL
Visit Us On FacebookVisit Us On Youtube